Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Cinco cursos do IFMG – Campus Bambuí são estrelados no Guia do Estudante

  • Publicado: Terça, 11 de Dezembro de 2018, 06h30
  • Última atualização em Segunda, 11 de Fevereiro de 2019, 10h23

 

melhores universidades 2018Cinco cursos do IFMG – Campus Bambuí foram estrelados na avaliação dos cursos superiores, feita pelo Guia do Estudante (GE) da editora Abril, em 2018. Além de receberem o selo de “Melhores Universidades”, os cursos também estarão na publicação “GE Profissões Vestibular 2019”.  

Entre os cursos do IFMG – Campus Bambuí mencionados, o curso de Engenharia de Produção e Zootecnia, são destaque, alcançando quatro estrelas na avaliação. Outros 03 cursos obtiveram a avaliação de três estrelas, considerados “bons”. Confira as premiações ao final da matéria.

A boa avaliação é motivo de orgulho para todos aqueles que trabalham arduamente para o desenvolvimento dos cursos de graduação do campus. Segundo o Diretor-Geral do Campus “Segundo o Diretor Prof. Rafael Bastos Teixeira, os resultados positivos são um reflexo do amadurecimento institucional. Tal fato se deve ao papel de protagonismo que os alunos e servidores tem assumido perante as atividades desenvolvidas na instituição. Fato que foi observado no recredenciamento institucional, nas avaliações para reconhecimento dos cursos e nessa nova avaliação. Estamos no caminho certo rumo a excelência, e os indicadores são bons norteadores de nossas ações".

Quem participa?

Para fazer parte da avaliação, é necessário que as graduações tenham os seguintes requisitos: ter a titulação de bacharelado (excluindo Pedagogia e Educação Física), ter a primeira turma formada em 2014 ou em anos anteriores, ser presencial, conter turmas em andamento e ofertar o curso no próximo processo seletivo.

Os cursos são avaliados por uma pesquisa de opinião realizada com professores e coordenadores. Por isso, o Guia do Estudante enfatiza que os resultados refletem, sobretudo, a imagem do curso perante a comunidade acadêmica.

O passo a passo da pesquisa

De acordo com informações do Guia do Estudante, a avaliação dos cursos superiores dura, em média, nove meses e acontece em cinco etapas:

1. Atualização dos dados das instituições: por e-mail ou telefone, a redação do GE entra em contato com as instituições de ensino superior do Brasil. Com o preenchimento de um formulário on-line, elas informam quais cursos abrirão vagas no próximo ano.

2. Seleção dos cursos para avaliação: a GE analisa quais cursos obedecem aos quatro requisitos necessários. Eles serão os avaliados para a próxima edição.

3. Preenchimento do formulário: os coordenadores de graduação ficam responsáveis por responder a 21 questões a respeito das características dos cursos. Essas respostas servem apenas para nortear os avaliadores e, mesmo que um curso não responda, mesmo assim ele é avaliado.

4. Pesquisa de opinião com os consultores: os cursos recebem notas de um grupo de consultores, formado por coordenadores, diretores de departamentos e professores. Essa avaliação tem nota máxima de cinco estrelas (excelente) e mínima de um (ruim). Os cursos são avaliados de forma aleatória e por muitos consultores.

5. Atribuição dos conceitos: cada curso recebe sete avaliações, sendo que as de menor e maior pontuação são descartadas. A nota final é a média das outras cinco avaliações. Além disso, também se leva em consideração as notas de anos anteriores.

Confira a lista completa e a quantidade de estrelas dos cursos avaliados do IFMG – Campus Bambuí:

Guia do Estudante 2018

Fonte: Relaçõe Institucionais

Compartilhe:
registrado em:
Fim do conteúdo da página